Por que é tão difícil recomeçar?

Por que é tão difícil recomeçar? Esse texto provavelmente não vai ser a resposta para essa pergunta, mas se você tiver a resposta, me conta? Nunca te pedi nada…

Começar tudo novo de novo. Aceitar que o velho já foi mesmo quando você não queria que tivesse ido. Aceitar que você falhou em todas as suas tentativas de dar uma, duas, vinte e três chances de recomeçar o velho. Tentou, falhou. Aceitar que de um lado sempre acaba, mas você continua.

A verdade é que a gente só consegue recomeçar quando se desvincula total do velho. Uma vez li o que o João Doederlein (@akapoeta) escreveu: “Quando um pé vai para frente, o outro obviamente precisa ficar para trás”. As vezes ele tenta te alcançar, mas não faz o suficiente, está fraco demais ou tão “sei lá” e não consegue.

É preciso ser forte para recomeçar, com o velho (que não deixa de ser novo) ou com o completo novo. Precisa ter coragem para desistir de dar chances ao velho e dar uma chance ao novo. Precisa ter coragem porque você só vai saber se o novo é ainda melhor se decidir se jogar. Dá medo mesmo. Quem é que gosta de quebrar a cara duas, três ou mais vezes? “Isso é normal, é instinto”, me disseram.

Aprendi essa semana que recomeçar não é esquecer o velho e não é trair o que até ontem você acreditava tanto. Não é! Mas é tentar de novo, o novo, por que vai que dá certo? E se não der, ok, a gente enxuga as lágrimas de novo, pega uma barra de chocolate, um pote de sorvete, um vinho, tenta de novo depois e volta a ressignificar tudo mais uma vez.

Que preguiça de recomeçar não é? Será que por isso é tão difícil? E por que dá tanto medo?

Se você me perguntar, eu ainda não tomei coragem o suficiente…

(2) Comentários

  1. Falou tudo! Recomeçar é um ato de coragem, é difícil pra caramba, mas só saberemos os resultados se tentarmos!

  2. Recomeços são necessários. Adorei!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *